Existem mangás que são “a cara da editora”. E quando vemos esse tipo de mangá em uma editora que tem “outra cara” é bem comum estranhar um pouco. Esse é o caso de Pandora Hearts, da Panini.