Qual é o melhor meio de criar um spinoff de uma serie famosa? Se você pensou em pegar tudo e criar uma história zoada, então você definiu o que é Highschool of The Head.

Highschool of The Head (HSTH) é uma paródia extremamente zoada de Highschool of The Dead, uma série de mangas criadas por Daisuke Sato e Shouji Sato que trata de uma epidemia mundial que transformou pessoas em zumbís e um grupo de estudantes tem de lutar para sobreviver, porém com forte uso de cenas ecchi.

Já HSTH foi produzido por Sankakuhead, um mangaká especializado em comédia, que teve a liberdade de transformar a serie original numa completa zueira em formato de tirinhas 4koma, o mesmo que Azumanga Daioh e K-ON.

Enquanto a serie original é conhecida pelo alto grau de ecchi, HSTH é bem familia (bem, mais ou menos). Claro que piadinhas com peitos e calcinhas aparecem, mas além de ser meio que raramente usadas, o desing dos personagens não favorecem a nada para quem procura por ecchi. Na verdade o visual dos personagens estão meio que irreconhecíveis na maioria dos casos, Komuro, o protagonista se parece com uma versão simplificada de Kirito de Sword Art Online (o do anime, não o do mangá), o mesmo para Saeko que lembra a Asuna simplificada, também de SAO. Mas o mais irreconhecível seria o cão Zeke.

HSTH até um pouco mais da metade do volume, usa como base a história da serie original, mas não exatamente de forma seqüencial. A história não é recontada por inteiro, mas sim alguns trechos de destaque das historias foram usadas para criar as tirinhas. Se engana quem pensa que somente quem conhece a história original pode apreciar as tirinhas, eu mesmo não acompanho nem o anime e nem o mangá, mas o próprio manga de HSTH explica que se trata de tiradas dos capítulos originais. Tem lá algumas tirinhas que não fazem sentido algum e provavelmente quem acompanhou o original pode entender melhor a sacada, mas no geral, qualquer um pode compreender as tirinhas recheadas de bom humor, mas os fãs da obra original com certeza aproveitariam Highschool of The Headmais (desde que não procure ecchi aqui).

A outra metade do mangá possui Míni-historias originais criadas por Sankakuhead, onde a história não tem nada a ver com os originais, só tendo os personagens da serie em situações mais sem noção do que antes.

Quem procura por uma leitura descompromissada e zoeira, poderá curtir Highschool of The HEAD, mas mesmo sendo tirinhas no estilo de K-ON, não espere por piadinhas e personagens Moe, só zueira.